kissinworks

kissinworks

domingo, 30 de outubro de 2011

Jabberwocky - Game Cinematic

Jabberwocky - Game Cinematic (unreleased) from Leo Santos on Vimeo.


CInematic da Blur Studios pra um jogo que ainda não saiu! Muito bom! as cores, o design , a fluência. Porém pra mim o mais bacana , é a animação do personagem antagonista grande, vc sente que ele é pesado e bruto.

Blur Studios Cinematic for the unreleased game! Very good! colors, design, fluency. But the coolest thing to me is the great antagonist character animation, you can feel how heavy and rough is it.

sábado, 8 de outubro de 2011

Evelyn Evelyn "Have You Seen My Sister Evelyn" Music Video



I'm posting this cool video clip, I loved the idea of ​​the video with the animation being told as if it had been drawn on the glass! cool! :)

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Kaeloo_ french animation


in my opinion this animated film is incredible!
Kaeloo is a series with incredible animation, mordant humor and breathtaking with visual gags, superbly backed by crisp dialog that will make young and old laugh.
pra mim essa animação é D+!
Kaeloo é uma série com animação incrível, humor mordaz e de tirar o fôlego com gags visuais, soberbamente apoiada por crespo diálogo que vai fazer rir jovens e velhos.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Prêmio da Música Brasileira 2011 - Noel Rosa



Cool animation from Valu Animation Studios. It took 2 days to make the concept and storyboard and storyreel, then 3 days to animate and more 4 days to make adjustments and clean up. We had a lot of fun and a little stress because of the short deadline and changes when the deadline was near. But in the end we did it! thanks to the crew!

Animação legal de Valu Animation Studios. Demorou dois dias para fazer o conceito e storyboard e storyreel, então 3 dias para animar e mais quatro dias para fazer ajustes e limpeza. Tivemos muita diversão e um pouco de estresse por causa do curto prazo e as mudanças quando o prazo estava próximo. Mas no final fizemos! graças à tripulação!

domingo, 26 de junho de 2011

domingo, 5 de junho de 2011

Kung Fu Cooking Girls



cool chinese animation from a small animation studio!
As they sad:" Over 4000 key frames hand drawing and over 10,000 betweens in this movie." An amazing piece of hard work!=)

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Animation from Carlos Salgado: Los Nadies


Los Nadies is an animation to be touched, based on a poetry from Eduardo Galeano(1940, Montevideo) and the situation from the small cultures in Africa.
i´m putting here a translation to portuguese and the original:
i estoy poniendo aquí una traducción al portugues y el original:

Sueñan las pulgas con comprarse un perro y sueñan los na-
dies con salir de pobres, que algún mágico día llueva de pronto
la buena suerte, que llueva a cántaros la buena suerte; pero la
buena suerte no llueve ayer, ni hoy, ni mañana, ni nunca, ni en
lloviznita cae del cielo la buena suerte, por mucho que los na-
dies la llamen y aunque les pique la mano izquierda, o se le-
vanten con el pie derecho, o empiecen el año cambiando de
escoba.
Los nadies: los hijos de nadie, los dueños de nada.
Los nadies: los ningunos, los ninguneados, corriendo la
Liebre, muriendo la vida, jodidos, rejodidos:
Que no son, aunque sean.
Que no hablan idiomas, sino dialectos.
Que no hacen arte, sino artesanía.
Que no practican cultura, sino folklore.
Que no son seres humanos, sino recursos humanos.
Que no tienen cara, sino brazos.
Que no tienen nombre, sino número.
Que no figuran en la historia universal, sino en la crónica
Roja de la prensa local.
Los nadies, que cuestan menos que la bala que los mata.

Traduçao pro portugues:

“As pulgas sonham com comprar um cão, e os ninguéns com deixar a pobreza, que em algum dia mágico a sorte chova de repente, que chova a boa sorte a cântaros; mas a boa sorte não chove ontem, nem hoje, nem amanhã, nem nunca, nem uma chuvinha cai do céu da boa sorte, por mais que os ninguéns a chamem e mesmo que a mão esquerda coce, ou se levantem com o pé direito, ou comecem o ano mudando de vassoura.
Os ninguéns: os filhos de ninguém, os donos de nada
Os ninguéns: os nenhuns, correndo soltos, morrendo a vida, fodidos e mal pagos:
Que não são, embora sejam.
Que não falam idiomas, falam dialetos.
Que não praticam religiões, praticam superstições.
Que não fazem arte, fazem artesanato.
Que não são seres humanos, são recursos humanos.
Que não tem cultura, têm folclore.
Que não têm cara, têm braços.
Que não têm nome, têm número.
Que não aparecem na história universal, aparecem nas páginas policiais da imprensa local.
Os ninguéns, que custam menos do que a bala que os mata”.